Claude Schimper, novo VPR de nossas operações russas

A mineração tem grandes personalidades e Claude Schimper é definitivamente uma delas.  Desde 1º de junho Claude é agora o novo vice-presidente regional (VPR) da Rússia. Além de ter exercido a função de gerente geral em Kupol nos últimos quatro anos e meio, é também dramaturgo, diretor, autor e um apaixonado defensor de segurança.

Claude Schimper (VPR, Rússia)

Claude com 47 anos, é mais conhecido pelas suas impressionantes conquistas operacionais de Kupol, incluindo a expansão da usina de 3.000 t/d para 4.500 t/d e a introdução de inovações vanguardistas que trouxeram para a Kinross o prêmio “Aperfeiçoamento Contínuo” por dois anos consecutivos. Ele também escreveu e dirigiu seis peças com temas industriais, apresentando os valores corporativos da Kinross durante o período em que trabalhou em Kupol.

“É difícil falar para grandes audiências e passar uma mensagem sobre segurança ou valores, especialmente em um idioma diferente . As peças são uma forma de fazer isso e ao mesmo tempo  divertir desenvolvendo pessoas que normalmente não fazem este tipo de coisa”, disse Claude. Ele também criou as trilhas sonoras, incluindo uma versão de Ben E. King para Stand by Me em russo, chukchi e inglês. Todas as peças foram ovacionadas de pé.

Os empregados da Kinross participam de uma peça focada em segurança e em nossos valores fundamentais, Kupol.

Embora Claude tenha participado de vários projetos artísticos ao longo dos anos, suas raízes em mineração são profundas. Seu pai foi presidente do sindicato dos fabricantes de caldeireiros da África do Sul e com 17 anos ele foi trabalhar em Mponeng, a mina mais profunda do mundo que se estende por quase quatro quilômetros no subsolo. Aos 19 anos, Claude passou por uma experiência que mudaria radicalmente sua vida quando trabalhava no subsolo da mina. Nessa época teve seu rosto esmagado por uma pedra que triturou sua bochecha. “A partir daí, prometi que nunca mais me machucaria”, disse ele. “E fiz da segurança minha paixão desde então”, ressaltou.

Contudo, como sua abordagem de vida, a mensagem de segurança de Claude é pouco convencional. Para ele, a segurança é uma questão de responsabilidade pessoal. “Digo a cada trabalhador que deve ser responsável pelo seu próprio bem-estar em todos os momentos porque quem vai sofrer o impacto vai ser ele mesmo, disse. Não trabalhe em segurança apenas para seu supervisor, faça isso por você mesmo porque a única pessoa que pagará o preço é você”.

Os empregados de Kupol discutem sobre segurança na mina. Crédito da foto: Heidi-May Schimper.

Depois de uma década trabalhando na África do Sul, Claude se mudou para o Canadá para trabalhar na Placer Dome. Mais tarde, trabalhou como empreiteiro e com júniores antes de começar sua própria empresa de consultoria em 2008 em grande parte da Albânia. Em 2010, ele passou a ser gerente geral da Kupol.

“Sempre quis ser gerente geral porque você pode fazer coisas incríveis com os indivíduos como mentor e ajudando-os a desenvolver-se profissionalmente”, disse Claude. “Gosto de orientar e ensinar e realmente espero poder continuar a expandir isso como VPR”.

Prata: Carmen Ercolino, Assistente Administrativa, Fort Knox
Agosto 8, 2022

Prata: Carmen Ercolino, Assistente Administrativa, Fort Knox

Ouro: Iuri Melo, Técnico de Instruções em Minas III, Paracatu
Agosto 8, 2022

Ouro: Iuri Melo, Técnico de Instruções em Minas III, Paracatu

Conheça os ganhadores da edição 2022 de nosso Prêmio LOVA: Colocar as pessoas em primeiro lugar
Agosto 8, 2022

Conheça os ganhadores da edição 2022 de nosso Prêmio LOVA: Colocar as pessoas em primeiro lugar