Paracatu bate 11 recordes operacionais internos em 2018

Parabéns à Kinross Paracatu pelo desempenho excepcional de 2018! A unidade bateu 11 recordes operacionais, com forte desempenho em várias métricas.

“Quero agradecer toda a equipe de Paracatu pelo excelente trabalho em 2018”, disse Lauren Roberts, Diretor de Operações. “Trata-se de um conjunto de recordes impressionante, que não poderia ter sido conquistado sem a dedicação e o foco em atingir as metas de forma segura.” 

“Os 11 recordes que atingimos mostram o trabalho árduo de nosso time, o trabalho em equipe e a colaboração com que nos orgulhamos de contar na mina”, afirmou Gilberto Azevedo, Vice-presidente e Gerente Geral. “Queremos manter esse forte desempenho em 2019, superar os desafios que venham a surgir e bater novos recordes operacionais. Tenho certeza de que temos a equipe perfeita para isso!”

Apesar das muitas dificuldades enfrentadas ao longo do ano, a unidade manteve o foco em segurança, custos, produção e melhoria contínua. Os recordes de 2018 incluem: 

  • Produção total: 521.575 onças
  • Total de onças recuperadas: 525.815 onças
  • 94,22% de barras de ouro e prata em 2018
  • Recuperação – usina 2: 90,31%
  • Recuperação total – usina 2: 80,84%
  • Total de onças extraídas: Novembro – 56.163 onças
  • Total de onças recuperadas: Dezembro – 58.782 onças
  • Onças extraídas – usina 2: Novembro – 41.864 onças
  • Recuperação – usina 2: Fevereiro – 95,38%
  • Disponibilidade – usina 1: Junho – 98,84%
  • Eficiência – usina 2: 92,44%

“Graças à equipe de alto desempenho e sua dedicação a atingir resultados sólidos todos os dias, conseguimos alcançar a excelência, que está refletida nos resultados”, disse Rodrigo Gomides, Diretor de Operações, Paracatu.

Em 2018, a Kinross Brasil também foi incluída na lista das 150 melhores empresas para trabalhar no Brasil pela quarta vez.

Funcionários na comemoração da inclusão da empresa entre as 150 melhores para trabalhar, no fim de 2018

Extração de ouro em Paracatu